Análise | A Casa da Raven: comemorando em grande estilo os 15 anos da série original

“As visões da Raven” comemora 15 anos

Hoje, 17 de janeiro de 2018 é aniversário de uma das séries mais queridinhas da Disney: As visões da Raven. A série, que estreou em 2003 no Estados Unidos, completa hoje 15 anos e tem muito a celebrar agora que alguns de seus personagens estão de volta. Para comemorar, fizemos uma análise deste retorno, concretizado na nova série A Casa da Raven, com primeira temporada já lançada.

Em 2007, ano de encerramento da série, foi tentado manter o seu sucesso com o spin-off Cory na Casa Branca. A história trazia Cory Baxter, que foi morar na Casa Branca após seu pai se tornar chef do presidente. Porém, a série não vingou muito, durando apenas um ano no ar.

Reinvenção dos personagens com “A casa da Raven”

Agora, as coisas são diferentes. A Disney foi extremamente inteligente em trazer de volta aqueles de quem sentíamos falta: Raven e sua melhor amiga Chelsea. A Casa da Raven (ou Raven’s Home, no original), conta a história de Raven atualmente.

Divorciada de Devon, seu namorado de colegial, e mãe de gêmeos, Raven recebe uma nova colega de quarto. Chelsea, cujo marido foi preso por roubar todo seu dinheiro, fica sem ter para onde ir com seu filho Levi, e por isso se muda para Chicago, para a casa de sua velha amiga.

Por falar em amigos, é bom deixar claro logo que não vemos Eddie Thomas na trama. Provavelmente o comportamento do ator, incluindo prisões e agressões, foi fator determinante para a Disney deixar Orlando Brown de fora. Tanya, Victor e Cory Baxter também não apareceram, mas ficamos na expectativa devido a referências feitas ao longo da temporada.

Raven e Chelsea são as mesmas de sempre: irreverentes, espontâneas, divertidas e muito amigas. Seus filhos não poderiam ser diferentes e tornam-se grandes amigos também. Nia é inteligente e muito educada. Booker é destrambelhado e divertido, muito parecido com a mãe. Levi é um mini-adulto, sendo mais responsável por Chelsea que o contrário.

A série agrada espectadores novos e antigos

A Casa da Raven foi uma ótima sacada do Disney Channel para trazer de volta seu público antigo, que cresceu com os personagens, e também de atrair os consumidores atuais do canal. Raven e Chelsea agora são adultas, têm responsabilidades e pessoas que contam com elas. Este é um ponto que muitos de nós, hoje adultos também, podemos nos relacionar. Elas não têm o emprego dos sonhos, são ambas divorciadas e não vivem a vida que imaginavam quando adolescentes. Porém, acima de tudo, elas têm a felicidade. Elas têm seus filhos, uma à outra, e nada as impede de se divertirem (e nos divertirem) como antes.

Se quiser conhecer outras atrações atuais do Disney Channel, veja nossa indicação de Gravity Falls.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.